5 dicas essenciais de jardinagem para iniciantes: Um novo hobby para um novo ano

Categoria: Área de Lazer

O início de um novo ano sempre dá abertura para novas experiências, mudanças e novos hábitos. Entre eles, está a jardinagem, um passatempo que traz a redução do estresse, melhoria da qualidade do ar, além da satisfação pessoal em ver o crescimento das plantinhas.

 

No blog de hoje, trouxemos algumas dicas que são essenciais para você que está em busca de um novo hobby e vê a jardinagem dessa maneira, ou apenas deseja compreendê-la um pouco mais.

 

Fique com a gente e saiba mais!

 

 

Algumas práticas são indispensáveis quando o assunto é iniciação na jardinagem. São técnicas, pesquisas e muita dedicação para manter de pé essa atividade que traz tantos benefícios à saúde e ao seu dia-a-dia. Confira, agora, os primeiros passos para garantir um bom início no seu cultivo.

 

 

    1. Conheça a planta que você quer cultivar

Faça uma busca detalhada sobre a espécie a qual você deseja cultivar. Informações como quantidade de água, tempo na luz do sol, terra e adubação são específicas e variadas. Uma dica importante é conhecer a região de origem da vegetação, assim, o sucesso da plantação é certo! Use e abuse de sites para conhecer mais sobre a planta.

 

 

    2. Fique de olho na iluminação natural

Um dos pontos principais para um bom cultivo é a iluminação natural. No entanto, esse ponto pode ser variado para diferentes tipos de plantio, por isso, é importante se atentar ao primeiro tópico. A qualidade e a quantidade de luz natural recebida pelas plantas têm impactos diretos na sua saúde e vitalidade, por isso, escolha uma área que tenha boa presença da luz do sol.

 

 

    3. Preparando o solo adequadamente

Depois de escolhida a área para a plantação, está na hora de preparar o solo.

- Remova detritos, como pedras e ervas daninhas, para criar um ambiente propício ao crescimento das plantas.

- Para ajudar a determinar quais ajustes são necessários, faça um teste de solo para avaliar o pH e a fertilidade.

- Misture o solo com composto orgânico para melhorar a estrutura, retenção de água e nutrientes. O composto também auxilia no crescimento das plantas.

- Com tudo pronto, é só seguir as instruções determinadas para iniciar o plantio! Novamente, busque conhecer as especificações da planta que deseja cultivar.

Depois de plantada, mantenha uma irrigação do solo adequada, de acordo com a necessidade da plantação.

 

 

    4. Ferramentas essenciais

Algumas ferramentas são indispensáveis para auxiliar na jardinagem. Veja os principais:

 

Luvas de jardim:

https://www.wermar.com.br/produto/1195/10977-luva-trico-antiderrapante-340p-4-branca-guepar

 

 

Pá de Jardim, Garfo e Escardilho:

https://www.wermar.com.br/produto/2938/67975-conjunto-para-jardim-3-pecas-fj-1203-trapp

 

 

Tesoura e Tesourão:

https://www.wermar.com.br/produto/7553/76254-tesoura-78342125-para-cerca-viva-grama-com-laminas-metalicas-e-cabo-de-madeira---tramontina

 

 

https://www.wermar.com.br/produto/7551/76251-tesourao-78362505-poda-em-aco-com-cabo-metalico-60cm---tramontina

 

 

Mangueira:

https://www.wermar.com.br/produto/5429/73708-mangueira-para-jardim-trancada-nmjt30-rolo-30m-verde---japi

 

 

Cortador de grama:

https://www.wermar.com.br/produto/7561/76263-cortador-79661151-de-grama-eletrico-ce35p-1300w-60hz-220v---tramontina

 

 

    5. Para escolher o vaso de planta ideal

Outro detalhe importante na hora da jardinagem é a escolha do vaso que irá comportar a planta. Atente-se a esses detalhes:

 

  1. Tamanho adequado. Pense no sistema radicular, ou seja, o crescimento das raízes, enquanto a planta cresce, para que, posteriormente, o espaço do vaso não seja limitante.
  2. Orifícios de drenagem. A drenagem adequada é crucial para evitar o acúmulo de água, o que pode levar ao apodrecimento das raízes.
  3. Material do vaso. O material do vaso afeta a retenção de água e a respiração das raízes. Vasos de cerâmica e terracota permitem a respiração adequada, mas também podem secar mais rapidamente. Vasos de plástico retêm mais umidade. Escolha de acordo com as necessidades específicas da sua planta e das condições do ambiente.
  4. Estilo, estética e peso. Escolher um vaso que complemente a decoração ao redor pode adicionar um toque decorativo ao seu espaço. Além disso, vasos mais leves podem ser mais fáceis de manusear, mas vasos mais pesados podem fornecer estabilidade adicional. Opte pelo o que melhor se adequa à sua realidade.

 

Para se inspirar

Se liga nessas inspirações que separamos para você implementar aí na sua casa!

Fonte: Facebook

 

Fonte: Hellosharbby